NÚMERO DE MORTOS EM BRUMADINHO CHEGA A 37


O número de mortos devido ao rompimento de uma barragem em Brumadinho (MG) subiu neste domingo (27) para 37, informou o Corpo de Bombeiros, acrescentando que 192 pessoas foram resgatadas. Em entrevista à tarde, autoridades informaram que há 287 desaparecidos. Dezesseis corpos já foram identificados e oito deles já foram entregues aos familiares.

Os trabalhos de busca de desaparecidos no rompimento da barragem de rejeitos foram retomados à tarde depois de terem sido suspensos no início da manhã devido ao uso do efetivo na retirada das pessoas de áreas de risco pela possibilidade de rompimento da chamada barragem B6, de água. Segundo a Defesa Civil, esse risco está descartado.

No início da noite de sábado, a Vale, proprietária da barragem rompida, publicou uma lista de 253 funcionários, dentre próprios e terceirizados, que constavam como desaparecidos.

Logo cedo neste domingo, às 5h30, houve acionamento de sirenes de alerta na cidade devido ao risco do rompimento de uma barragem de água na região, levando o Corpo de Bombeiros a realizar a retirada de moradores de determinadas áreas.

De acordo com o tenente Pedro Aihara, porta-voz do Corpo de Bombeiros, o foco principal era em Parque das Cachoeiras, onde há cerca de 25 casas, mas a retirada também ocorria em Córrego Feijão e Tejuco.

"A evacuação está acontecendo sem problemas para locais que, como eu disse, estão previstos no plano de emergência e o risco de rompimento dela continua", disse o tenente.

Imagens de TV mostraram barreiras sendo feitas na cidade, desviando pessoas de determinadas regiões e impedindo a passagem para certas áreas. Continue lendo
Compartilhe no Google Plus

Sobre CHICO DUVALLE

Chico Duvalle - Jornalista DRT-MA 1741 / Radialista DRT-MA 1008
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Publicar um comentário