Últimas Notícias

DETRAN NÃO TEVE ‘CONDIÇÕES FINANCEIRAS ADEQUADAS’, DIZ DIRETOR EXONERADO

Foto: Ascom
Exonerado do comando do Detran nesta quarta-feira (27), Lucio Gomes ainda não sabe qual será o seu futuro. Servidor concursado em Ilhéus, o agora ex-diretor do órgão estadual de trânsito tenta defender seus feitos ao mesmo tempo em que notícias sobre uma suposta insatisfação do governador Rui Costa (PT) com o Detran são disseminadas na imprensa baiana.
Ao bahia.ba, Lucio disse que, sob o seu comando, o Detran se notabilizou “por atender melhor a população”. Ele cita a implantação da CNH Digital, o documento do veículo eletrônico e a nova Central de Atendimento.
“A minha gestão foi uma das mais longevas da história. Apenas meu antecessor ficou mais tempo que eu. Hoje temos um assento na Associação Nacional de Detrans (AND) como vice-presidente”, disse.
Apesar de citar as vitórias, Lucio deixa claro que poderia ter feito mais se tivesse conquistado nos últimos anos as “condições financeiras adequadas”. “Nunca fizemos concurso, por exemplo, mesmo sendo algo necessário. Muita coisa precisa melhorar. Chefiar o Detran é uma missão complexa e evidentemente que não faltou empenho”, falou.
O ex-diretor do órgão alerta, no entanto, que não se trata de críticas ao governador: “está fazendo uma gestão excepcional e essa reoxigenação é importante”.

Sem comentários