Últimas Notícias

GUAIDÓ PEDIRÁ AO PARLAMENTO DECLARAÇÃO DE ‘ESTADO DE ALERTA’ NA VENEZUELA



O autodeclarado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, durante visita ao Brasil 


© Sérgio Lima 

Poder360 
“Para hoje (11) convocamos uma sessão de emergência extraordinária de urgência do Parlamento Nacional para tomar ações imediatas em relação à ajuda humanitária necessária”, disse Guaidó em entrevista coletiva.

A apagão sem precedentes já deixou 17 pacientes renais mortos. É a pior crise já registrada no país de 30 milhões de habitantes. O blackout teve início às 16h53 locais (17h53 em Brasília).

A crise energética se transformou em 1 novo atrito entre o presidente Nicolás Maduro e Juan Guaidó. No sábado (9.mar), opositores e apoiadores do regime de Nicolás Maduro foram às ruas de Caracas para protestar.

As manifestações foram inicialmente convocadas por Juan Guaidó, que chamou o povo a “expressar maciçamente nas ruas contra o regime usurpeante, corrupto e incapaz”. Maduro e seus apoiadores reagiram.

Sem comentários