ABAPA E SESI PROMOVEM ATENDIMENTO NAS PROPRIEDADES RURAIS COM FOCO NA PREVENÇÃO DA COVID-19


 

Com respeito ao distanciamento social e ao uso das máscaras, impostos pelo novo Coronavírus, a Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), em parceria com o Serviço Social da Indústria (Sesi), vem realizando orientações e atendimentos com foco na prevenção da Covid-19 nas propriedades rurais e algodoeiras no Oeste da Bahia. Na última quarta-feira (20), foi realizada uma blitz de atendimento junto aos colaboradores da Fazenda Bergamaschi Agro. No dia 18, foi a vez dos trabalhadores da algodoeira FMP; e no dia 5, da UBahia, participarem da ação.

Durante as atividades, foram ministradas palestras e entrega de material educativo com as principais recomendações e cuidados que os funcionários devem ter para evitar o contágio da Covid-19 no ambiente de trabalho e em casa. Para a coordenadora administrativa da UBahia, Karen Cristina Dorsi, a ação da Abapa e do Sesi apoiam na sensibilização dos profissionais para respeitar e seguir as regras de higienização, uso de máscara e dos equipamentos de proteção, e do distanciamento tão importantes neste momento. “Isto também demonstra a preocupação da empresa e do setor agrícola com o bem estar e a saúde dos colaboradores e das suas famílias”, afirma.

As equipes da área de saúde do trabalho do Sesi também fizeram uma triagem e aferiram a temperatura como forma de monitorar os colaboradores com possíveis sintomas da Covid-19. O gerente regional do Sesi, Henrique Costa Almeida, explica que a ação integra o programa “Sesi Juntos contra a Covid-19” desenvolvido para atender o setor agrícola durante este período da pandemia.  “É um programa formatado por nossas equipes de saúde e segurança do trabalho com o objetivo de apoiar o produtor a minimizar os riscos ao proteger os funcionários e os seus familiares, ao mesmo tempo que mantém a atividade em funcionamento”, afirma.

Até o momento, o programa já contou com a adesão de cerca de 50 empresas do setor agrícola, sendo destes 26 produtores associados da Abapa. A partir de junho, a próxima etapa é a disponibilização dos testes rápidos para a Covid-19 para os trabalhadores do setor agrícola. Para o diretor executivo da Abapa, Lidervan Morais, a iniciativa tem o propósito de assistir os associados e permitir que estes possam concentrar-se nas atividades produtivas, com a garantia do cumprimento de todas as medidas possíveis de segurança ao trabalhador. “O programa em Parceria com o SESI já está sendo um sucesso. De forma técnica e eficaz estamos conseguindo implementar mudanças no comportamento das pessoas garantindo um ambiente de trabalho mais seguro”. 

Ao recepcionar as equipes do Sesi em sua propriedade, o vice-presidente da Abapa, Luiz Carlos Bergamaschi, reforça sobre os cuidados que o setor agrícola vem tomando diante do avanço do coronavírus “Apesar de mais isoladas na zona rural, as propriedades rurais vêm colocando em prática uma série de medidas nas fazendas e nos escritórios para evitar a circulação do vírus, principalmente em relação ao transporte de cargas e mercadorias dentro da propriedade. O respeito às recomendações e orientações repassadas aos funcionários tem sido constantes para garantir que as atividades se mantenham  sem casos da doença ”, afirma.




 

Assessoria de Imprensa Abapa 

Compartilhe no Google Plus

Sobre CHICO DUVALLE

Chico Duvalle - Jornalista DRT-MA 1741 / Radialista DRT-MA 1008
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Publicar um comentário