BOULOS SUSPENDE CAMPANHA NA RUA APÓS SÂMIA BONFIM SER DIAGNOSTICADA COM COVID-19



por Sabrina Freire 

Na reta final da eleição, Guilherme Boulos (Psol), candidato à Prefeitura de São Paulo, anunciou nesta 3ª feira (24.nov.2020) que suspendeu a campanha de rua devido ao fato de a deputada federal Sâmia Bomfim (Psol-SP), com quem teve contato na última 6ª feira (20.nov.2020) durante o lançamento da aliança de esquerda, ser diagnosticada com covid-19.

Guilherme Boulos, líder do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto), disputa a Prefeitura de São Paulo pelo Psol© Reprodução/Facebook Guilherme Boulos, líder do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto), disputa a Prefeitura de São Paulo pelo Psol

O líder do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) participará apenas de eventos reservados e com possibilidade de distanciamento social.

“O contato que eu tive com a Sâmia foi absolutamente esporádico, eventual, ambos de máscara. Não tenho qualquer tipo de sintoma… Agora, por precaução, nós decidimos fazer o teste”, disse.


“Também tomamos uma decisão de, até sair o resultado do teste, por absoluta preocupação, de não fazer agendas públicas de rua. [Vamos] Redobrar os nossos cuidados em relação à segurança sanitária, ao distanciamento. [Teremos] Uma agenda reservada, com 1 público limitado”, disse Boulos.

A deputada federal anunciou nessa 2ª feira (23.nov.2020) que seu exame para covid-19 deu positivo. Disse que está bem, sem sintomas agudos e isolada em casa.

A jornalistas, o candidato do Psol disse ainda que a equipe de campanha tem tido dificuldades para marcar o teste do coronavírus. Ele ainda não tem data marcada para a realização do exame. Boulos associou este fato a uma possível “expressão das dificuldades” que São Paulo enfrenta com a doença.

Antes de anunciar a suspensão, nesta 3ª feira (24.nov), o candidato do Psol realizou 1 encontro com sindicatos da área de segurança pública. A campanha disse que no local havia público restrito e todos seguiram os protocolos sanitários.

Guilherme Boulos disputa a Prefeitura de São Paulo contra o atual prefeito, Bruno Covas (PSDB), que busca a reeleição. Pesquisa Datafolha, divulgada na madrugada desta 3ª feira, aponta que o tucano tem 55% dos votos válidos, contra 45% do candidato do Psol.




Compartilhe no Google Plus

Sobre CHICO DUVALLE

Chico Duvalle - Jornalista DRT-MA 1741 / Radialista DRT-MA 1008
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Publicar um comentário