MORTE DE SECRETÁRIO DE CULTURA COMPLETA 33 DIAS E INVESTIGAÇÕES SEGUEM EM SIGILO




O assassinato do secretário de Cultura e Turismo de Luís Eduardo Magalhães completou 33 dias e as investigações seguem em sigilo, Alexandre Vieira, foi encontrado morto dentro de uma caminhonete, na manhã do dia (17) de outubro na região da nova rodoviária, após o crime delegado Joaquim Rodrigues iniciou as investigações para identificar o autor ou autores do bárbaro crime. 

Alexandre tinha 53 anos, ele havia assumido o comando da pasta em abril após o titular ter sido afastado para concorrer ao cargo de vereador, ele foi morto com vários golpes de arma branca, de acordo com a Polícia uma faca provavelmente usada no ato foi encontrada nas imediações do ocorrido, a mesma foi encaminhada para perícia técnica, mas o resultado até agora não foi divulgado à imprensa. 

Câmeras de segurança 

O prefeito Oziel Oliveira, cujo mandato encerra-se em 31 de dezembro continua trabalhando para diminuir o índice de criminalidade, que era alarmante quando assumiu o comando do município em janeiro de 2017. 

O projeto foi prejudicado em decorrência da pandemia, mas segundo o Conselho de Segurança foi possível a instalação de câmeras em dois pontos da cidade, Avenida Salvador e no Jardim Paraíso, mas que o CONSEG estará dialogando com novo gestor Júnior Marabá para execução do mesmo. 

De acordo com informações obtidas junto a Prefeitura, o sistema de monitoramento em parceria com a G7 net nos dois pontos citados estar em pleno teste e até o fim do mandato da atual gestão os técnicos deverão fazer uma analise do programa. 

Para delegado da Polícia Civil Joaquim Rodrigues, as câmeras do sistema vão ser importantes na elucidação de crimes de várias naturezas, o delegado citou exemplo vários casos esclarecidos com imagens de câmeras particulares, e muitas delas devem ser conectadas pelo sistema de monitoramento.
Compartilhe no Google Plus

Sobre CHICO DUVALLE

Chico Duvalle - Jornalista DRT-MA 1741 / Radialista DRT-MA 1008
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Publicar um comentário