O USO DA VOZ NO COTIDIANO DOS PROFESSORES


Entenda como o mau uso da oratória pode acarretar em lesões nas cordas vocais
irley Machado Maciel, especialista em oratória 

No decorrer da nossa vida, todos passamos por um agente comum que nos molda. Não só para nos tornar bons profissionais, os professores são pessoas que passam pelas nossas vidas para ensinar bons costumes, mediar o conhecimento e estimular a autoaprendizagem.

Diferentemente da maioria dos profissionais, os professores, com raras exceções, não cuidam diariamente das interferências que sofrem no trabalho. Por usarem muito a voz no cotidiano, as pessoas que lecionam podem acabar por ter problemas de saúde nas cordas vocais. “Na hora da aula, os professores, principalmente os da Educação Básica – Educação Infantil até o Ensino Médio –, por não terem formação adequada de como se portar diante dos alunos quanto ao uso da voz, tendem a falar excessivamente, o que pode provocar lesões na garganta”, explica Sirley Machado Maciel, especialista em oratória e referência nacional na área. Para se ter uma ideia, num estudo realizado por pesquisadores do curso de Medicina da Universidade de Taubaté, os ruídos em sala de aula variaram de 66 (equivalente a um aspirador de pó) a 93 decibéis (equivalente a uma furadeira).

Esses profissionais, apesar de muito importantes na nossa formação acadêmica e pessoal, por vezes, são desmerecidos de atenção e cuidado. “A discussão da manutenção do cuidado com os professores vem sendo sempre discutida no viés do salário, mas não é só essa área que conta. A saúde física e mental deles é tão ou mais importantes que outras preocupações, mas são esquecidas e deixadas de fora da pauta” afirma ainda.

Ser professor e ministrar a transferência de conhecimento não é uma tarefa fácil. Além de todas as dificuldades encontradas entre manter o aluno interessado e demonstrar a aprendizagem como uma coisa divertida, os professores, aqui no nosso país, encontram outros problemas, principalmente relacionados com a formação para os desafios diários da profissão. Por isso, pretendendo ajudar a saciar essa defasagem no nosso atual cenário da educação brasileira, a professora Sirley Machado Maciel, na 3ª semana de janeiro, está presidindo a 7ª Temporada de Lives do Intrepeds, que é o Instituto de Treinamento, Pesquisa e Desenvolvimento do Ser. Nessa temporada, que é também a 2ª Maratona de Lives #FALAMAISPROFE, juntamente com outros 15 especialistas, dará dicas de oratória para professores e de como se preparar para o retorno às aulas. “Após um grande hiato do contato direto com os alunos, os professores certamente encontrarão dificuldades na hora de retornar às aulas presenciais. Nessa semana, serão 16 lives e, ao final, terá um workshop totalmente online e gratuito com certificado”, explica a professora Sirley. No dia 19/01, a partir das 10h, a também analista comportamental, receberá o professor Luiz Francisco da Silva, que também é escritor e poeta.

Para ter acesso às Lives, basta entrar no facebook do Intrepeds Desenvolvimento. Já para participar do workshop, é só acessar https://docs.google.com/forms/d/1pOawn4snUu_ihxJdamsdFjFJl1c2S76-K9cB0RkXcWs/edit e fazer a sua inscrição.

INTREPEDS – Instituto de Treinamento, Pesquisa e Desenvolvimento do Ser

Sirley Machado Maciel

Analista comportamental, terapeuta e escritora

Site: www.intrepeds.com

Facebook: Intrepeds.Desenvolvimento

Cel: (41) 99996-7063

sirleym.maciel@gmail.com

Facebook: Sirley Machado Maciel Intrepeds

Compartilhe no Google Plus

Sobre CHICO DUVALLE

Chico Duvalle - Jornalista DRT-MA 1741 / Radialista DRT-MA 1008
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Publicar um comentário